segunda-feira, janeiro 18, 2010

A crise da amizade

A crise da amizade
(Patrícia Liberato de Medeiros)

Gostaria de lhe colocar em situações difíceis...
Não para ver você sofrer,
Mas sim, para ver você reagir;

Gostaria de lhe colocar no meu lugar...
Não para lhe comparar,
Mas sim, para lhe ajudar;

Gostaria que não fosse tarde...
Não para dizer TE AMO,
Mas sim para expressar-te o meu amor;

Gostaria de lhe pedir...
Não para lembrar-me,
Mas sim, para não esquecer-me;

Gostaria de lhe dizer...
Não o que é errado,
Mas sim, ensinar-lhe o que é certo;

Resumindo...
Gostaria que você não me visse como uma amiga,
Mas sim como uma irmã,

Gostaria que entendesse que
Só tenho a desejar-te sorte e

Enfim dar-te o meu amor
Tão grande embora tão insignificante
Gostaria de lhe colocar em situações difíceis...
Não para ver você sofrer,
Mas sim, para ver você reagir;

Gostaria de lhe colocar no meu lugar...
Não para lhe comparar,
Mas sim, para lhe ajudar;

Gostaria que não fosse tarde...
Não para dizer TE AMO,
Mas sim para expressar-te o meu amor;

Gostaria de lhe pedir...
Não para lembrar-me,
Mas sim, para não esquecer-me;

Gostaria de lhe dizer...
Não o que é errado,
Mas sim, ensinar-lhe o que é certo;

Resumindo...
Gostaria que você não me visse como uma amiga,
Mas sim como uma irmã,

Gostaria que entendesse que
Só tenho a desejar-te sorte e

Enfim dar-te o meu amor
Tão grande embora tão insignificante...

2 comentários:

Kim Sousa disse...

"Não para ver você sofrer,
Mas sim, para ver você reagir"

Isso era o que eu sempre fazia, afinal eu contas, não se ensina com exemplos, mas sim com experiências...

Abração Tonia, o seu blog ficando cada vez melhor...

Tonia Albuquerque disse...

Kim obrigada pelo comentário e visite o meu outro blog, gostaria da sua opinião sobre o mesmo.

Bjão